José Valizi

 

Fazendinha do Valizi - Memórias de José Valizi

 

Enviar mensagem de e-mail   Facebook

 

 


 


 

MÚSICAS

   

Faça uma pequena doação e

ajude-nos a produzir novos

conteúdos para este site.

======================

Publicidade

"Não terás perdão"

(publicado em 05/04/2017)

 

Letra da música "Não terás perdão"

(ritmo: toada)
Composta (letra e música) por Valizinho, na década de 1950.

Tornei-me um ébrio, perdido na bebida
Tu és culpada de eu tornar-me um beberrão
Eu bebo assim é para não te perdoar
Porque deixou-me sem motivo e sem razão
Enquanto eu bebo e vou caindo pela rua
Mulher ingrata, eu não te dou o perdão
 

Não me importa passar frio, fome e sede
E também se eu durmo pelo chão
Não me importa arriscar a minha vida
E nem se o povo me chama de beberrão
O que me importa é me faltar a bebida
Embriagado, não consigo dar o perdão
 

Arrependida, foi bater à minha porta
Procurando consolar o seu coração
Não me encontrou e voltou desiludida
Lá, nem ouviu uma voz de consolação
Se procurasse me encontrava pela rua
Embriagado, dormindo pelo chão
 

Anda dizendo que morre apaixonada
Não me importa se tu morres, ou se não
Enquanto eu bebo, não vejo você gozar
Ou padecer, passando de mão em mão
Se eu não beber, poderei te perdoar
Por isso eu bebo, só pra não te dar o perdão

   
   

APOIO CULTURAL

Faça uma pequena doação e

ajude-nos a produzir novos

conteúdos para este site.


REPUBLICAÇÃO RESTRITA

Não está autorizada a republicação dos artigos deste site em nenhum outro site na internet. Caso você queira compartilhar através da internet algum artigo aqui publicado, sugerimos que você poste uma chamada com um link, de tal modo que a leitura do artigo seja feita no site Fazendinha do Valizi. Para republicação em mídias impressas, mediante autorização prévia, deverá constar como fonte do artigo o endereço deste site (www.valizi.com.br).


Desenvolvido por Portal Onde Ir