José Valizi

 

Fazendinha do Valizi - Memórias de José Valizi

 

Enviar mensagem de e-mail   Facebook

 

 


 


 

CAPÍTULO

   

Faça uma pequena doação e

ajude-nos a produzir novos

conteúdos para este site.

======================

Publicidade

O leão que fugiu do circo

por José Valizi (publicado em 25/02/2016)

 

Crédito: www.freeimages.com

O leão que fugiu do circo

 

Muito tempo atrás, um leão fugiu do circo e veio parar aqui na fazendinha. Quando o enorme felino apareceu no terreiro da fazenda, foi aquele alvoroço... Com medo de serem devorados pelo leão, todos fugiram; e cada um procurou esconder-se em algum lugar.

A cachorrada correu toda para dentro de casa. As galinhas, patos, marrecos e gansos foram refugiar-se dentro do galinheiro. Os pássaros bateram-se em revoada, indo parar lá no meio da mata. Os peixes, que aqui na fazendinha costumam ficar, de vez em quando, deitados à beira da lagoa tomando sol, pularam todos na água, indo esconderem-se atrás das pedras, bem lá no fundo da lagoa. A porcada, não querendo virar comida da fera, saiu em disparada em direção ao brejo. Os cavalos saíram galopando pelo pasto afora. Os tatus rapidamente entraram no primeiro buraco que avistaram, mesmo não sendo a toca deles. A macacada, que aqui na fazendinha sempre foi muito atentada, correu para debaixo da cama, ficando caladinha de tanto medo. Os cabritos também correram para dentro de casa, indo esconderem-se dentro do guarda-roupa. Até as formiguinhas que estavam sobre a mesa da cozinha, se deliciando com as sobras de comida, de medo correram para dentro do pote de mel. Enfim, a bicharada entrou em pânico.

Mas quem passou mesmo apertado foram as vacas, que de tão gordas e pesadas, e sem a mínima chance de fugirem correndo, resolveram subir nas árvores grandes que ficavam próximas ao curral. Somente em uma grande figueira subiram umas cinquenta vacas! E o peso era tanto que os galhos começaram a ceder.

Percebendo que a sua refeição seria uma daquelas vacas, certamente a primeira que caísse do galho, o leão começou a caminhar a largas passadas em direção às árvores quando, repentinamente, ouviu-se um estampido parecido com um tiro chocho, e o leão caiu no chão; levantou-se, deu mais umas duas passadas e caiu novamente, imóvel. Eram os domadores do circo, que vinham no rastro do bicho fugitivo, sendo este atingido por um dardo tranquilizante.

Assim, o leão foi recapturado e levado de volta, enquanto toda a bicharada da fazendinha pôde sair de seus esconderijos e voltar à tranquilidade do lugar. Sorte das vaquinhas, que aqui na fazendinha são muito inteligentes e sabem subir em árvores; mas acho que a figueira não iria mesmo aguentar tanta vaca empoleirada nela...

   
   

APOIO CULTURAL

Faça uma pequena doação e

ajude-nos a produzir novos

conteúdos para este site.


REPUBLICAÇÃO RESTRITA

Não está autorizada a republicação dos artigos deste site em nenhum outro site na internet. Caso você queira compartilhar através da internet algum artigo aqui publicado, sugerimos que você poste uma chamada com um link, de tal modo que a leitura do artigo seja feita no site Fazendinha do Valizi. Para republicação em mídias impressas, mediante autorização prévia, deverá constar como fonte do artigo o endereço deste site (www.valizi.com.br).


Desenvolvido por Portal Onde Ir