José Valizi

 

Fazendinha do Valizi - Memórias de José Valizi

 

Enviar mensagem de e-mail   Facebook

 

 


 


 

CAPÍTULO

   

Faça uma pequena doação e

ajude-nos a produzir novos

conteúdos para este site.

======================

Publicidade

Reportagem da EPTV sobre os 40 anos de programa

por José Valizi (publicado em 08/10/2014; atualizado em 21/01/2015)

 

No ano de 2001, ao completar 40 anos, o programa Fazendinha do Valizi foi tema de uma reportagem feita pela EPTV de Ribeirão Preto-SP (emissora afiliada à Rede Globo de Televisão), e que foi ao ar nas duas edições diárias do seu noticiário regional, e posteriormente também no programa Terra da Gente, da mesma emissora. Foi a primeira vez em que apareci na televisão, o que me deixou muito feliz. Veja abaixo o vídeo da matéria.

 

Atenção!

Este vídeo foi cedido pela EPTV Ribeirão, em caráter excepcional, e destina-se à preservação das memórias de José Valizi. Proibida a exibição/incorporação/divulgação deste vídeo em outros locais na internet.

 

 

Naquela ocasião, a EPTV mantinha um site denominado Sítio do Caipira, no qual havia, dentre outras coisas, uma seção chamada Nossa Gente, destinada a retratar personalidades pitorescas da nossa região. E tive o grato privilégio de ter sido incluído naquela galeria de personagens folclóricos, se é que assim podemos dizer. O site Sítio do Caipira infelizmente não existe mais. Mas para quem não teve a oportunidade de ver naquela época, tomo a liberdade de reproduzir abaixo a matéria que nele havia sido publicada.

 

==================================================

 

O dono da Fazendinha

 

A voz de Zé Valizi leva uma cidade inteira para um paraíso caboclo, em Ituverava, SP. É a roça no rádio, num programa que não poderia ter outro nome: "Fazendinha".

 

José Valizi nos estúdios da Rádio Cultura AM de Ituverava

 

Ele vai fazer sessenta e nove anos, mas não parece. Está novo em folha para seguir uma rotina que não muda. Todos os dias, dona Conceição levanta de madrugada para servir o café da manhã para o marido. Seu Zé Valizi fala muito pouco em casa, porque tem que guardar a voz para três horas de falação.

É que ele conversa com uma cidade inteira. Ituverava, 35 mil habitantes, já se habituou a acordar com a voz serena e a fala mansa do seu Zé. Há 40 anos, ele comanda um dos mais antigos programas de rádio do interior de São Paulo. E vai para o trabalho de bicicleta.

Às seis da manhã, a "Fazendinha" já está no ar. Com um jeito meio envergonhado, que lembra um pouco o poeta Carlos Drummond de Andrade, seu Zé segura a audiência e o amor pela roça. Ele que não tem casa própria, se torna dono, diante do microfone, de uma fazendinha de sonho.

 

José Valizi nos estúdios da Rádio Cultura AM de Ituverava

 

As frutas dão mel, os bichos falam, as árvores dão cerveja... e carro de boi puxa avião. Mais: peixe sai do rio pra respirar e cai de penca na mão de pescador. Meio surrealista, meio caipira. Um paraíso caboclo. Tudo fruto da imaginação e da vivência do homem que nasceu na roça, no tempo do café. Criado numa casinha de pau a pique, ele ainda sonha com os bons ares da infância. E faz esse resgate no programa de rádio.

Não está sozinho nisso: tem ouvintes, como o Zezim Balaieiro, um artesão de balaios, que liga o rádio cedo para não perder nem uma moda e nem uma história. Ex-integrante da dupla caipira Valizi & Valizinho, seu Zé faz questão de só programar moda de raiz. Tião Carreiro, Tonico e Tinoco, Liu e Léo: não escapa dupla boa. E o modão invade a cidade, enquanto quem tem imaginação, acompanha, divertido, as aventuras na fazendinha do seu Zé. Ele diz que vai fazer isso enquanto tiver voz e vida. Monteiro Lobato aprovaria.

 

Fonte: site Sítio do Caipira - www.sitiodocaipira.com.br (infelizmente, o site não existe mais).

==================================================

   
   

APOIO CULTURAL

Faça uma pequena doação e

ajude-nos a produzir novos

conteúdos para este site.


REPUBLICAÇÃO RESTRITA

Não está autorizada a republicação dos artigos deste site em nenhum outro site na internet. Caso você queira compartilhar através da internet algum artigo aqui publicado, sugerimos que você poste uma chamada com um link, de tal modo que a leitura do artigo seja feita no site Fazendinha do Valizi. Para republicação em mídias impressas, mediante autorização prévia, deverá constar como fonte do artigo o endereço deste site (www.valizi.com.br).


Desenvolvido por Portal Onde Ir